A história do filme é a seguinte: Em um trem de alta velocidade com destino à cidade de Busan, um vírus que transforma as pessoas em zumbis, se espalha. A cidade conseguiu com sucesso se defender da epidemia, mas agora eles devem lutar pelas suas sobrevivências.

A primeira cena do filme mostra um homem que estava tendo um dia ruim atropelando um veado, após isso, o veado se levanta como se nada tivesse acontecido. É uma boa primeira cena. Depois temos um pouco de desenvolvimento de personagem, muito bem feito, à propósito. Vemos a relação do personagem principal com sua filha, e já podemos concluir que tipo de personagem ele é: UM BABACA! Sim, um babaca que fica trabalhando o dia inteiro e não tem muito tempo para família, já vimos isso várias vezes na telona. É clichê? Sim, mas funciona.

Quando o primeiro infectado aparece, demora um tempo para ele se transformar, para aumentar o clima de suspense e tensão. Mas depois, após já ter uma grande leva de infectados, o filme fica muito frenético, todos procurando fugir de vagão a vagão procurando alguma salvação. É nisso aí que podemos ver o quanto o personagem principal é um babaca, não ligando nem um pouco para os outros e ensinando sua filha que ela apenas tinha que cuidar de si mesma.

A direção é de Sang-Ho Yeon, e ele está de parabéns.Consegue passar o clima claustrofóbico do trem, enquadrar bem a câmera, nas cenas frenéticas desfrutar da câmera tremida para deixar o espectador ainda mais angustiado. Os atores também não deixam nada a desejar, todos bem e dedicados. A trilha sonora tem tons sinfônicos simplistas e funcionais na maioria das vezes. Tecnicamente, o filme é muito bem feito, principalmente considerando que não é um filme hollywoodiano. O roteiro, sempre encontrando soluções inteligentes e inesperadas, escrito com inteligência.

O personagem principal vai se redimindo ao longo do filme, fazendo com que você comece a gostar dele -até porque tem um outro personagem no trem que é muito pior, uma boa forma de mostrar que no apocalipse zumbi a coisa mais perigosa são os seres-humanos-. Não gostei de algumas coisas, principalmente pelo fato de que algumas pessoas se transformam de uma maneira extremamente rápido e algumas demoram bastante até, não faz muito sentido. O final tem um peso dramático imenso, e muito bem feito. Há alguns alívios cômicos no filme também, e funcionam, fazendo você dar algumas risadas.

Resumindo, ”Invasão Zumbi” tem ação, terror, suspense e drama. É um dos melhores filmes de zumbi dos últimos anos, sendo bem escrito, frenético e claustrofóbico. Tenho certeza absoluta que vai agradar aos fãs do gênero, principalmente se você gostou de ”Guerra Mundial Z”.

Nota: 9.2

Vá aos cinemas assistir, eu super recomendo. Estreia dia 29 de Dezembro de 2016.