Bem, pelos pedidos de alguns curtidores da página no facebook, vou fazer um comparativo entre o primeiro ”A Hora do Pesadelo” e o remake.

A Hora do Pesadelo (1984) PONTOS FORTES:      
-Mortes bem elaboradas, criativas e muito GORE!        
-Um antagonista sarcástico, excêntrico, e sanguinário.          
-O filme é bem dirigido, claro, é Wes Craven!                                              
-Ótima atuação de Robert Englund como Freddy.                            
-O filme consegue ser engraçado quando quer e            
consegue ser assustador quando quer.                                  
-Roteiro muito bem feito, o filme realmente tem                
uma ótima história.

A Hora do Pesadelo (2010) PONTOS  FORTES:
-Uma boa execução do suspense e da tensão.
-Frases de efeito como: ”Por quê tá gritando? Eu ainda nem cortei você.”
-Algumas cenas realmente tiradas e remodeladas do original.
-Cenas mostrando as pessoas morrendo no sonho e na realidade ao mesmo tempo.

A Hora do Pesadelo (1984) PONTOS FRACOS:      
-Poderiam ter explorado mais a história de Freddy        
antes de ter sido queimado.                                              
-Atuações mornas, com destaque á Heather                
Langenkamp, que realmente estava muito ruim.

A Hora do Pesadelo (2010) PONTOS FRACOS:
-Realismo. O filme ter apostado em um tom mais realista em suas mortes foi algo realmente ruim.
-Maquiagem. O rosto de Freddy estava muito mal feito.
-Tornar Freddy Krueger um personagem ”humano” que foi injustiçado.                                                      
-As poucas piadas que Freddy faz estão sem graça.
-Direção ruim, do iniciante Samuel Bayer.
-Mortes genéricas do psicopata aparecer atrás do personagem de repente.
-Roteiro preguiçoso e previsível.

Nota (Original): 9.8                                            
Nota (Remake): 5.2                                                                                                                          

Pedido de Guilherme Maracci Brito e José Carlos Péss Fontes.