O episódio começa com a mãe de Emma descobrindo que o que há no corpo de Piper não é um coração humano, e sim um coração de porco. Logo após, Audrey e Emma conversam, tentando colocar um fim ao clima tenso entre elas, algo que falha, pois Emma nota que o que Audrey está dizendo não é absolutamente verdade.

Flashbacks do passado são na maioria das vezes legais e ajudam a desenvolver a trama, sempre gostei deles em Scream, e faziam falta até então. Há flashbacks envolvendo Brandon James que são intrigantes. Também tem uma cena no bosque envolvendo Noah que é bastante divertida, principalmente para os fãs de terror, pois sabemos que agora que Noah e Zoe já fizeram sexo são os alvos principais.

SCREAM-Season-2-Episode-10-Photos-The-Vanishing-3

Tem também uma cena muito claustrofóbica e interessante, que novamente homenageia alguns outros filmes. Aliás, há várias homenagens aqui, a filmes de terror bons, como ”Sexta-Feira 13”, ”Enterrado Vivo” e até aos antigos ”Pânico”. É impressionante como essa segunda temporada está aos poucos se provando fiel ao conceito original da saga de filmes ”Pânico”.
O episódio inteiro, como um todo, foi ótimo. Não parecendo um episódio de série, mas sim um mini filme de 40 minutos. Brooke não aparece, e sinceramente, não fez falta alguma. A série realmente toma riscos nesse episódio, mostrando que sim, ela tem colhões, e focando numa trama bem fechada e com poucos personagens. E o resultado, como fica? Bem, só o que posso dizer é: O MELHOR EPISÓDIO DE SCREAM. Frenético, misterioso e bem perto dos filmes do Wes Craven, apesar de ainda estar faltando algo.

Scream-The-TV-Series-The-Vanishing-1

Resumindo, há tudo aqui, referências a filmes, roteiro, mistério e é um episódio fechado e frenético. E apesar de ainda faltar algo, foi o meu episódio favorito até agora.

Nota: 9.8